A técnica do contorno: como conseguir um efeito natural

contorno

Agora é oficial… fazer a técnica de contorno e iluminação passou a ser obrigatório para quem quer estar por dentro das tendências de make. Antes a habilidade costumava ser reservada para passarelas ou editoriais de moda, onde era necessário destacar a estrutura óssea do rosto das modelos. Mas agora, a técnica já se tornou bem mais popular e está presente na maioria das selfies por aí… Até as próprias lojas de cosméticos acabaram se rendendo à tendência, deixando na vitrine uma infinidade de kits para contorno e iluminação do rosto. No youtube e instagram, os vídeos passo-a-passo de contorno são os preferidos da mulherada.

A realidade é que, se você está com vontade de usar o contorno no seu rosto, cuidado… Qualquer passo em falso e seu look pode ficar fake ou exagerado. Vamos aos truques para deixar sua maquiagem natural e impedir que você saia de casa parecendo uma drag-queen:

Afinal, o que é “fazer o contorno” do rosto?

Contorno é quando tons claros e escuros são utilizados para imitar o efeito da luz que incide sobre o rosto, dando forma ou destacando uma determinada área. É como melhorar ou “manipular” a estrutura facial usando a maquiagem (tipo, afinar o nariz, destacar as maçãs, etc). O objetivo é fazer com que seu rosto pareça realista e, justamente por isso, NÃO pode ser perceptível. Assim como colocar cílios postiços, tudo é feito para criar uma ilusão óptica de cor, luz e textura. A forma de aplicar a técnica vai definir quais áreas você quer esconder ou destacar na sua maquiagem.

Os tons corretos

O tom mais claro SEMPRE vai destacar alguma área. A cor clara “abre” a luz do rosto, iluminando ou fazendo com que determinadas áreas pareçam maiores. O mesmo vale para um produto que tem brilho. Cores claras ou brilho devem ser utilizados nos pontos mais altos do rosto ou quando você precisa para criar uma ilusão de “espaço” (tipo, aumentar a testa).

Na linha contrária vem a cor escura, que SEMPRE vai fazer com que a região pareça mais profunda ou menor. Um ótimo contorno é feito utilizando pó bronzeador FOSCO (sem partículas de brilho).

A escolha da cor

Ao escolher seu kit de contorno, fique LONGE de cores quentes com tons avermelhados ou alaranjados, elas não funcionam em nenhum tom de pele (nem morenas, nem claras). Muito cuidado também ao escolher um pó bronzer… como falamos anteriormente, não pode ter brilho, em hipótese nenhuma. Lembre-se que a idéia é criar a ilusão de profundidade, como a sombra de uma árvore… sem revelar que você está extremamente maquiada. Para que o resultado fique mais natural, escolha um pó dois ou três tons mais escuro que a cor natural da sua pele.

Cremes ou pós?

A fórmula correta é essencial para o contorno perfeito. Os pós dão um revestimento mais matte, enquanto os cremes ficam mais “iluminados”. Depende do seu tipo de pele. Quem tem pele oleosa, deve preferir os pós, aquelas que sofrem com a pele seca, é melhor usar os cremes (bases ou corretivos). Para as peles mistas, o ideal é usar o pó para o contorno escuro, e o creme para iluminação. Isso irá suavizar a linha entre as sombras, e cria um look natural da sua estrutura óssea.

E o blush?

Finalizar com blush deixa o acabamento mais natural e disfarça a técnica do contorno. Escolha uma cor rosada ou pêssego para dar aquela cara saudável à make. Particularmente, eu gosto muito mais dos tons pêssego. Espalhe sobre as têmporas e traga até a bochecha. Pronto, sem exageros.

O toque final

Se você quiser adicionar mais um destaque, agora é a hora. Aplique uma sombra mais clara ou mais reflexivo (cintilante) no ponto mais alto do osso da bochecha e puxe para baixo, em direção a maçã do rosto. Só isso basta.

Não precisa sair gastando

Você não precisa ficar desesperada e sair comprando kits caros de “contorno”, você pode começar com os produtos que já tem. A técnica é simplesmente jogar com tons claros e escuros para dar forma ao rosto. Você pode alcançá-la com qualquer base, corretivo, pó ou sombra que já tenha. Tudo vai depender do seu talento e não do preço do produto.

Abaixo relacionamos umas fotos e um vídeo tutorial com o passo-a-passo da técnica. O vídeo está inglês, mas o importante é apenas assistir como os tons são aplicados.

Bora praticar!

samer1

samer2

samer3

samer4

samer5

 

 

Unha vermelha, nude e francesinha: os truques para fazê-las em casa

unhas

A manicure impecável é uma especialidade da brasileira, mantenha a sua sempre em dia

As brasileiras estão entre as mulheres que mais gastam em produtos de beleza no mundo. Mas, entre os cuidados e tratamentos que não vivemos sem, as unhas estão no topo da lista. Qual brasileira resiste a uma manicure? Unhas bem feitas são indispensáveis para qualquer mulher por aqui e o nosso método de fazê-las é copiado mundo afora.

Você sabia que na Europa as manicures não limpam as bordas depois de esmaltar? Sim, isso porque elas tentam não sujar o dedo, o que, eventualmente, acaba deixando uma faixa sem esmalte no contorno da unha. Pois é, por aqui é bem diferente, a gente lambuza tudo para limpar depois, mas fica impecável. Tirar a pontinha para não descascar e lixar a unha em formato quadrado, arredondando levemente as pontas para evitar que quebrem, também é especialidade nossa. E, é claro, a cutícula, que muita gringa nunca nem tirou. Já pensou?

Os esmaltes então são os mais variados. Mas, no fundo, o que faz mais sucesso entre as brasileiras são os clássicos que nunca saem de moda.

1. Unhas vermelhas

vermelhas

O vermelho é um básico para as nada básicas em unhas longas ou curtas, em qualquer época do ano. Variar só se for dos tons mais fechados no inverno para os alaranjados no verão, mas a cor nunca sai de moda por aqui. Acha o tom muito forte para tentar pintar em casa? A manicure Antonia Araujo, da Esmell, dá a dica: “Use um óleo secante antes de limpar e depois passe a acetona em volta, assim não borra o dedo”, ensina. Mas, se você não é muito chegada na cor, e quer usá-la só porque te disseram que o vermelho fortalece as unhas, pode esquecer. “O vermelho não fortalece”, diz a manicure. “Ele só exige mais cuidado, e como não se vê a base da unha, você não vê as imperfeições”, explica.

2. Nude

nude

No extremo oposto do vermelho está o nude que também faz muito sucesso entre as brasileiras. Mais sóbrio e discreto, o nude é ideal para o dia-a-dia de trabalho, não briga com a roupa e, se estragar durante a semana, é mais fácil de retocar. Por ser muito clarinho, no entanto, o nude corre o risco de manchar com tintas de caneta, roupa ou sujeira. “O extra brilho é essencial para proteger a unha e evitar que fique com o aspecto sujo”, indica Antonia.

3. Francesinha

francesinha

“Para fazer a francesinha tem que ter habilidade”, alerta a manicure. Mas não é impossível reproduzir o estilo em casa. Antonia explica que faz o traço, seja ele branco ou colorido, com o próprio pincel do esmalte, mas, para as leigas como nós, existe um adesivo que ajuda na hora de desenhá-lo. “Ele cola na unha para separar a base da pontinha colorida. O problema é que, muitas vezes, o resquício da cola pode ficar na unha e estragar a manicure”, explica a manicure. “Mas não esqueça do top coat, ele é essencial para manter a francesinha impecável”, lembra.

 

Beleza no trabalho: dicas pra ficar linda no dia-a-dia

pele_de_verao2

Quem nunca precisou dar um tapa no visual durante o dia para ir à uma reunião de trabalho ou ao happy hour? Eventos inesperados podem surgir a qualquer momento e, por isso, é sempre bom ter um kit básico de beleza na mesa do escritório para garantir uma aparência impecável ao longo do dia. Poucos e bons itens de maquiagem e alguns hidratantes e filtro solar resolvem o seu problema em qualquer situação.

O choque entre o frio do ar condicionado e o calor do dia-a-dia, por exemplo, ressecam a pele e principalmente os lábios, por isso hidratantes são essenciais. A Dra. Mara Liz Aveiro, dermatologista, indica Bepantol Derma para a boca e algumas gotinhas de Phloretin CF para o contorno dos olhos, duas áreas extremamente sensíveis. “Lábios rachados são muito comuns, por isso misturar o Bepantol ao batom proporciona hidratação o dia todo. Já o Phloretin CF, da Skinceuticals, acaba com o aspecto enrugado e as pálpebras ressecadas, basta uma gotinha no contorno dos olhos”, indica a dermatologista.

Água termal também ajuda a manter a pele limpa e hidratada durante o dia. “Tenha uma água termal sempre em mãos. Sentiu a pele irritada ou acabou de voltar da rua e pegou sol no rosto? Borrife um pouco para acalmar a vermelhidão”, ensina o maquiador Rick Silva, do Studio Sonia Nesi.

Proteger a pele e evitar a oleosidade também são importante, por isso tenha sempre a mão um protetor solar e algo para controlar o brilho no rosto. “Pode parecer besteira, mas a luz do computador é tão nociva quanto os raios solares”, sugere Mara. “O filtro com cor em forma de base funciona como maquiagem, dando tonalidade e uniformizando a pele”, explica.

E não se esqueça dos cabelos. “Tenha sempre por perto um óleo capilar para aplicar em todo o comprimento e nas pontas. De uma amassadinha com mãos para um efeito bagunçado e você terá um cabelo com mais brilho e estilo”, ensina Renata Mauad, do Romeu Felipe Creative Salon.

Para o kit maquiagem, o basicão é o suficiente. Uma base translucida oil-free dá uma cor sem deixar a pele muito carregada, já o pó translucido matiza e pode ser retocado para tirar o brilho ao longo do dia. Um blush pêssego, só para dar um ar de saúde, o batom cor de boca e uma boa máscara de cílios fecham a nécessaire com chave de ouro.

Abaixo veja algumas sugestões para montar o seu kit de beleza e estar sempre linda no seu dia-a-dia e um vídeo de como fazer a maquiagem ideal para o trabalho:

1 - Josie Maran 100% Pure Argan Oil Light 15 ml - R$ 189,00; 2 - Blush Nars Deep Throat - R$ 45,00; 3 - Maybelline Colossal Volum Express - R$ 24,90; 4 - Vichy Normaderm Total Mat em gel - R$ 64,90; 5 - M.A.C Pro Longwear Lipcreme Soft Sell - R$ 79,00; 6 - Pó Translucido Bare Minerals Hydrating Mineral Veil - R$ 109,00; 7 - Pó Compacto Avène Fps 50 - R$ 135,90; 8 - Base Laura Mercier Tinted Moisturizer Broad Spectrum SPF 20 - Oil Free - R$ 195,00; 9 - Água Termal Com Antioxidantes Spray para Peles Sensíveis - R$ 55,90; 10 - Skinceuticals Phloretin CF - R$ 389,90; 11 - Bepantol Baby - R$ 19,29. (Foto: Divulgação)

1 – Josie Maran 100% Pure Argan Oil Light 15 ml – R$ 189,00; 2 – Blush Nars Deep Throat – R$ 45,00; 3 – Maybelline Colossal Volum Express – R$ 24,90; 4 – Vichy Normaderm Total Mat em gel – R$ 64,90; 5 – M.A.C Pro Longwear Lipcreme Soft Sell – R$ 79,00; 6 – Pó Translucido Bare Minerals Hydrating Mineral Veil – R$ 109,00; 7 – Pó Compacto Avène Fps 50 – R$ 135,90; 8 – Base Laura Mercier Tinted Moisturizer Broad Spectrum SPF 20 – Oil Free – R$ 195,00; 9 – Água Termal Com Antioxidantes Spray para Peles Sensíveis – R$ 55,90; 10 – Skinceuticals Phloretin CF – R$ 389,90; 11 – Bepantol Baby – R$ 19,29. (Foto: Divulgação)

Inverno: 5 dicas de cuidados essenciais

É possível manter a pele hidratada e saudável no inverno com dicas simples para fazer em casa (Foto: Getty Images)

É possível manter a pele hidratada e saudável no inverno com dicas simples para fazer em casa (Foto: Getty Images)

O inverno traz aquela oportunidade gostosa de cuidar ainda mais da pele e do cabelo, sem muita preocupação com os efeitos do sol, da praia e da piscina. O momento também é ideal para realizar aqueles tratamentos que impedem a exposição solar, quase impossível de controlar no verão.

Na lista abaixo, selecionamos cinco cuidados e tratamentos, caseiros e profissionais, para chamar de seus nesta época do ano. Veja quais são e saiba como colocá-los em prática.

  • Adeus banho quente!

O grande desafio para a pele no inverno é se manter hidratada. Não é surpresa pensarmos que esse processo de hidratação começa no banho, com sabonetes cremosos e outros produtos indicados por seu dermatologista. Além disso, é fundamental abolir de vez a água quente no chuveiro! Porque ela retira a oleosidade natural da pele e ainda deixa o tecido ressecado. O ideal mesmo é manter a água morna ou fria. O relaxamento do banho pode ficar por conta de outros produtos. “Ao contrário do banho quente, óleos para banho são excelentes e devem ser aplicados no corpo todo, após o sabonete. Massagens corporais a base de óleos com lavanda hidratam e relaxam”, comenta a dermatologista Mara Liz Aveiro.

  • Esfoliação e hidratante para a pele

Cotovelos, joelhos, palmas dos pés e plantas das mãos são as áreas do corpo que precisam de mais cuidados para se manter hidratadas. “O ideal é hidratar a pele duas vezes por dia. Para o rosto com tendência oleosa, as formulações ‘oil free’ são as mais indicadas. Já para as áreas mais ressecadas, aposte em hidratantes à base de ureia”, ensina a médica.

Para quem costuma esfoliar a pele, o inverno não é lá bem a época mais recomendada para isso. De qualquer forma, nenhuma técnica caseira consegue barrar o efeito de pele lisinha que a esfoliação consegue. Por isso, a dermatologista recomenda usar a uma receita caseira antes do banho: hidratante com um pouco de açúcar para espalhar na pele levemente e enxaguar em seguida.

  • Cuidados com os cabelos

Assim como a pele, os cabelos ficam ressecados em contato com a água quente. “Ela resseca, aumenta o frizz e a caspa, retira os nutrientes do fio e ainda influencia na queda e na fragilidade dos cabelos. Evite ao máximo”, sugere Renata Mauad, do Romeu Felipe Creative Salon. Uma dica da cabeleireira é tomar banho com água morna e finalizar com um jato de água fria, pra quem conseguir. “Isso ajuda a deixar o cabelo com mais brilho porque fecha a cutícula do cabelo”.

O excesso de shampoo também pode ser o causador do ressecamento. Basta a quantidade equivalente a uma moeda para lavar os fios, segundo a especialista.

Excesso de xampu e água quente são vilões do cabelo (Foto: Getty Images)

Excesso de xampu e água quente são vilões do cabelo (Foto: Getty Images)

  • Atenção às unhas!

Para minimizar o ressecamento e a fragilidade das unhas em dias frios, hidratação também é fundamental. “Indico o uso de óleos à base de Argan ou outros ativos naturais”, explica a manicure Thaise Silva, do Werner Coiffeur. “O óleo pode ser aplicado com uma gota por unha diariamente, com massagens nos contornos  e nas cutículas, para fortalecê-las e garantir uma aparência saudável”, conclui.

  • Tratamentos estéticos

Também vale aproveitar as estações mais frias para colocar em prática alguns tratamentos que recomendam a restrição ao sol. Procedimentos que usam laser e outros recursos para minimizar cicatrizes, acne, manchas e rugas devem ser feitos nesta época, sem qualquer plano de bronzeamento à vista. A dermatologista Mara Liz Aveiro sugere dois: o ‘Spectra’, indicado para remoção de manchas escuras, quelóides, acnes ativas e poros dilatados e o ‘Laser 2940 Dual Mode’, ideal para cicatrizes de acne ou cirurgias. Ele uniformiza a pele, trata as rugas e a flacidez. “O tratamento é realizado com laser fracionado e proporciona uma recuperação muito rápida”, diz a médico.

Efeito “strobing” na make: como conseguir

A beleza de Lenny Niemeyer, na última temporada do SPFW, é um bom exemplo de como o strobing funciona (Foto: Imaxtree)

A beleza de Lenny Niemeyer, na última temporada do SPFW, é um bom exemplo de como o strobing funciona (Foto: Imaxtree)

Depois do boom do “contouring”, a técnica de make preferida de Kim Kardashian usada pra camuflar os defeitos da pele do rosto e ressaltar as qualidades – sempre com muito corretivo e bronzant -, é a vez do “strobing” dominar os makes mundo afora.

Ainda não conhece? A gente te apresenta! O strobing nada mais é do que a arte de deixar o rosto bem iluminado, com um aspecto natural, mas brilhoso. Como conseguir isso? Aplicando produtos iluminadores – protagonistas desta produção – nos pontos altos do rosto: maçãs, nariz, têmporas e filtro labial. (Muito visto na temporada verão 2016 do SPFW)

Mas, ainda que pareça fácil, atingir o efeito perfeito necessita cuidado e atenção, pois uma vez mal aplicado, pode se confundir com a temida pele “lustra móveis”, ou seja, super oleosa. De acordo com o maquiador Anderson Peres, do Crystal Hair, no Rio de Janeiro, pra conseguir o “glow” dos sonhos é preciso investir em (bons) produtinhos que refletem a luz pra irradiar a cútis.

No desfile da Triya, a pele também recebeu tratamento especial, com muito iluminador (Foto: Imaxtree)

No desfile da Triya, a pele também recebeu tratamento especial, com muito iluminador (Foto: Imaxtree)

“Quando vou fazer o strobing em uma cliente, já começo a iluminar o rosto desde a aplicação do primer. Primeiro uso a versão tradicional e depois aposto em uma com brilho”, comenta. Uma ótima dica de Anderson é misturar o iluminador líquido com a base ou corretivo, pra conseguir o efeito “shining” logo de cara, mas sem exageros.

Segundo o expert, a técnica pode ser usada em qualquer momento do dia, mas da maneira correta: “Eu aconselho sempre usar apenas o iluminador líquido o durante o dia, que deixa a pele menos carregada. Pra noite, dá pra apostar no líquido e ainda finalizar com a versão em pó”.

Pra complementar a pele iluminada, a escolha de um batom claro, como o nude, é a mais acertada. “Como já tem bastante brilho no rosto, o melhor é deixar a boca mais neutra. Mas nada impede de caprichar na máscara de cílios e delineador”, completa Anderson.

E aí, bora praticar?

A onda agora é o meio-coque!

1435244242750

Pode dar férias para os cabelos certinhos e disciplinados. Nesta temporada, a tendência é usá-­los de forma mais relaxada e moderna, no melhor estilo “acordei e saí”. O visual que reflete essa ideia é o meio coque, em que metade dos fios fica presa despretensiosamente. Com acabamento despojado e textura natural, o penteado é prático, fácil de fazer e fica bom em diversos tipos de cabelo.

A versão mais ousada traz o coque no alto alto da cabeça, mas também é possível apostar em uma opção comportada, prendendo os fios na altura das orelhas, como fizeram as blogueiras Lindsay, do Treasures and Travels, e Frida Vega Salomonsson, do Blog Lonvin.

Para aderir ao look, elástico fininho, grampos e pozinhos e sprays com cobertura seca são suficientes.  “Esse coque é uma saída para o “bad hair day”, quando o cabelo está sujo ou sem forma”, afirma o cabeleireiro e maquiador Ricardo dos Anjos. “A mulher moderna é prática e quer penteados que facilitem a vida.”

Ainda assim, deve-se tomar cuidado com o restante da produção para o visual parecer cool – e não desleixado. “A melhor forma de não parecer uma maluca é caprichar no make e no look”, diz Ricardo. De tão simples e descolado, o meio coque começa a fazer até a cabeça dos homens (que já aderiram ao coque tradicional). “Todo mundo pode usar esse cabelo e em todos os lugares. Invista sem medo”, afirma o cabeleireiro.

Para fazer o meio coque basta prender metade dos fios despretensiosamente

Para fazer o meio coque basta prender metade dos fios despretensiosamente

O penteado garante um visual moderno e descolado

O penteado garante um visual moderno e descolado

A versão mais rebelde do penteado traz o coque bem no alto alto da cabeça

A versão mais rebelde do penteado traz o coque bem no alto alto da cabeça

A versão mais rebelde do penteado traz o coque bem no alto alto da cabeça

A versão mais rebelde do penteado traz o coque bem no alto alto da cabeça

"Esse coque é uma saída para o badhairday. Mas se o cabelo estiver limpo, um bom spray seco resolve”, afirma o cabeleireiro e maquiador Ricardo dos Anjos

“Esse coque é uma saída para o badhairday. Mas se o cabelo estiver limpo, um bom spray seco resolve”, afirma o cabeleireiro e maquiador Ricardo dos Anjos

É possível apostar em uma opção mais comportada prendendo os fios um pouco mais baixo na altura das orelhas

É possível apostar em uma opção mais comportada prendendo os fios um pouco mais baixo na altura das orelhas

Cosméticos milagrosos que prometem resultados de Photoshop

magic

Sabe aquela ferramenta do Photoshop chamada blur que apaga os poros, linhas finas e rugas da pele das modelos em fotos? Então, a nova tendência da indústria de beleza aposta nesse efeito e vai além: esses novos produtos não têm cobertura de cor espessa, mas matificam a pele, tirando aquele brilho excessivo da oleosidade e uniformizam a cor, cobrindo manchas.

Partículas que refletem a luz e substâncias que preenchem as rugas são as principais responsáveis pelo resultado. Se no mundo digital, o blur em excesso deixa a pessoa fotografada com aspecto de boneca de cera. No mundo real, ele só traz benefícios como controle da oleosidade, ação antienvelhecimento e fator de proteção solar.

Outra vantagem: esse item é um ótimo aliado para fazer uma maquiagem natural sem deixar as imperfeições da pele aparecerem. “Eu gosto muito desses produtos que dão o efeito blur ou “photoshopado” à pele. Eles uniformizam a textura e o tom, depois só é necessário passar um blush, bastante máscara de cílios um batom e ou gloss labial e a maquiagem fica bonita”, diz o maquiador do Studio W Higienópolis, Porfírio Passos. Esses cremes blur podem ser considerados uma evolução dos já conhecidos primes, que também matificam a pele e reduzem poros. No entanto, essa nova geração de produtos também segue a tendência multibenefícios agregando, em alguns casos, proteção solar e ativos antienvelhecimento. Cá entre nós, existe também a questão de ser um novo nome – o tal do blur… Novidades, marketing, nomes impactantes que mantém a roda da indústria de beleza girando…

Já provaram os produtos? Escrevam pra gente contando a experiência!

Revitalifit Blur Mágico, L’Oréal Paris; preço R$39,90

Revitalifit Blur Mágico, L’Oréal Paris; preço R$39,90

Blur Cosmobeauty, FPS 50 e ação antienvelhecimento; preço R$ 70,60

Blur Cosmobeauty, FPS 50 e ação antienvelhecimento; preço R$ 70,60

Effaclar BB Blur, La Roche-Posay, FPS 24 e também controla a oleosidade por até 9 horas; preço R$ 99

Effaclar BB Blur, La Roche-Posay, FPS 24 e também controla a oleosidade por até 9 horas; preço R$ 99

Lancôme Visionnaire 1 Minute Blur, ação antienvelhecimento; preço R$250

Lancôme Visionnaire 1 Minute Blur, ação antienvelhecimento; preço R$250